Detém-te

Um Blog sobre a beleza da fé e a Grandeza do Amor Divino!!

Sobre este Blog

Amigos: este Blog tem como objetivo dar TESTEMUNHO, fomentar a FÉ e servir como fonte de inspiração para VOCÊ!


O seu conteúdo é a expressão de uma apaixonada pela Misericórdia que jorra do Coração de Jesus - a quem "é próprio ter compaixão e perdoar". É preciso que as pessoas entendam MELHOR o que significa dizer "Deus é Amor"!! Trata-se de uma conscientização para a vida toda! De fato, Jesus disse: "Ide, pois, aprender o que significa 'Misericórdia eu quero, não sacrifícios'(...)" (Mt, cap.9)


Desejo, ainda, avisá-los de que, embora a estrutura de um Blog seja tradicionalmente por “ordem de acontecimentos” (estando por primeiro as últimas novidades), este aqui não possui uma só postagem que possa ser considerada ultrapassada ou desatualizada. Por isso, convido-os a irem visitando o histórico, desde o dia de sua criação: 22/01/10. Para melhor compreenderem os textos, procurem visitar em ordem as postagens que se relacionem ao mesmo assunto... por exemplo, de 09/02/10 a 28/02/10 as postagens se referem às visões de Santa Margarida Maria. Aproveitem, assim, a sensação reconfortante de “re-conhecer” uma Misericórdia Inimaginável... a qual se dedica a todos nós!


DOMINGO - FESTA DA MISERICÓRDIA

“Desejo que a Festa da Misericórdia seja refúgio e abrigo para todas as almas, especialmente para os pecadores. Nesse dia estão abertas as entranhas da minha Misericórdia. Derramo todo o mar de graças nas almas que se aproximarem da fonte da Minha Misericórdia. A alma que se confessar e comungar alcançará o perdão das culpas e castigos. Nesse dia estão abertas todas as comportas divinas, pelas quais fluem as graças. Que nenhuma alma tenha medo de se aproximar de Mim, ainda que seus pecados sejam como escarlate. A Minha Misericórdia é tão grande que por toda a eternidade não a aprofundará nenhuma mente, nem humana, nem angélica. Tudo que existe saiu das entranhas da Minha Misericórdia. Toda alma refletirá em relação a Mim, por toda a eternidade, todo o Meu Amor e Minha Misericórdia. A Festa da Misericórdia saiu das Minhas entranhas. Desejo que seja celebrada solenemente no primeiro domingo depois da Páscoa. A humanidade não terá paz enquanto não se voltar à fonte da Minha Misericórdia.” (Diário, n.699)